Não estou para falar de amor, se ele ainda não dói, nem rói e nem pede flor. Não há flores na minha poesia, pois as arrancadas são mortas, são decoração de sepultura e meu poema é heresia. Conheço esse tal de amor, não encontrei deus algum e amor e deus até podem ser compatíveis mas não dependem um do outro. O único ponto em comum: eles não são invencíveis. Não falarei de coisas que desconheço, pois o meu apreço é pelo amor que sinto e não devo a uma criatura que o senso comum insinua e minha cabeça não atura. Minha escrita é a riqueza que colho do meu presente, mesmo que seja inventado, pois poeta mente, mas não se faz ausente e eu não vivo de passado nem me dedico à tristeza. Só quando fico parado. Grito contra o que abomino e não suporto determinismo. Minha ferramenta é o poema e meu alvo é o sistema. Sou tipo existencialista, meio insano meio analista, falso moralista, talvez sartreano. Tenho a marca da história, todo gaúcho é artista e sou pampeano com muita honra e glória. Sou amigo da filosofia e esta não é feita de fadas nem gnomos e crenças, nem de almas penadas ou universais desavenças. Eu vim aqui escrever poesia e isso para mim não é só brincadeira, pois no fim o que consome energia é o abre e fecha da porta da geladeira

"bilete" de hoje para ser lido amanhã, dois de outubro

"bilete" de hoje para ser lido amanhã, dois de outubro:

eu gostaria de ter reconhecido o cabo daciolo há mais tempo. Eu, que estou tabulado entre os indecisos, já conheço de antemão o que posso esperar de todos os outros, ratos profissionais, a serviço da desordem e da roubalheira.

Eu havia optado pelo voto útil, mas agora, percebendo que o empate entre o bonzonaldo e o poste do ladrão é inevitável, considero optar pelo daciolo. Mal conheço esse candidato, que parece doido de dar dó, porém, conheço bem aos outros e prefiro errar tentando do que ser outro idiota útil a esse sistema podre.

vou votar no cabo. Se ele, por um milagre de deuxx, se eleger, aposto que pior do que está não vai ficar (pela primeira vez na vida acredito nisso como argumento válido).

para quem já conheceu a dilma, acho o daciolo ultracapacitado.

penso que vocês deveriam fazer o mesmo. Pensem nisso com carinho. Ao menos se pode esperar algum senso moral de um vivente que afirma se expressar em nome de deus. Daciolo está sussurrando esperança ao meu coração ateu.

hoje muitos lamentam a passagem do enéias... era o maluco da hora e virou chacota da ratazana. Ele precisou morrer para ser visto.

é verdade esse 'bilete'.

sacharuk


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Esse site é apoiado por INSPIRATURAS