Seara

Mûre

Mûre

Mûre do espaço
relâmpago e afago
os longos braços
da doce energia
emerge poesia
para fazer-se criança

Mûre da esperança
conta os patos
que nadam no lago
ensina a esperar
o festim da alegria
enquanto encurta
as distãncias

Mûre das lembranças
da visão do futuro
e das velhas histórias
traz a memória
dos mares profundos
enquanto canta
aos cantos do mundo

wasil sacharuk

morsure-chiens-proteger-enfant