Seara

Nem só de versos...

Não há compatibilidade alguma entre religiosidade e igrejas. Religião é um advento pessoal, íntimo e irrestrito e não um evento social. O deus de cada um tem a imagem e semelhança do vivente, e tem sua existência calcada sobre os preceitos morais apreendidos pela própria capacidade do crente. E isso não tem nada a ver com padres, pastores, monges e o caralho. 

Ninguém precisa fazer papel de palhaço frente aos outros crentes. O deus de cada um não reside na casa dos outros e nem está descrito nos livros que esses outros despejam na mente. 

Abandone as igrejas e as bíblias e encontrarás a verdadeira conexão divina. E se não encontrar, foda-se, ao menos deixarás de buscar um deus que não te pertence. Ora, pois.


Não há compatibilidade alguma entre religiosidade e igrejas. Religião é um advento pessoal, íntimo e irrestrito e não um...

Publicado por Wasil Sacharuk em Quarta, 20 de janeiro de 2016