Chasque Conselheiro

Chasque Conselheiro

Índio véio,
te vi no retrato
segurando o piazito
já veio arrinconado
do pampa não é agregado
tem graça de predestinado
igual ao mito

Leia muita história
e refresque a memória
com uns aguachos de vinho
e compra lá do vizinho
umas botejas de mel
lá de perto do espinilho
com doçura de céu
e perfume de filho

E ainda, amigo gaúcho
conserva quente o apojo
e não te tapa de nojo
de ficar borrado nas fraldas
e durante a troca
escape do esguicho
saia da mira da piroca

Será o mais lindo cambicho
guri tapado de balda
e vai ensaiando uma charla
para não criar caborteiro
e aceite meu velho conselho:
não aperte demais o arreio

Se escutas um ronco de gaita
tocando desgovernada
não deixa para depois
aprende logo com a prenda
a servir logo a merenda

E lhe mostre a poesia
para que seja letrado
e viva com mais alegria
mas não fique abichornado
quando chegar o dia
do indiozito partir a la cria
para conhecer outros lados

Nosso Rio Grande se eleva
com fruto nascido do amor
é quando o grito da terra
ganha mais timbre e mais cor.

Wasil Sacharuk

Esse site é apoiado por INSPIRATURAS