patrocinador

Escambo



Escambo

Se houvesse somente troca
talvez eu trocasse o aguardente
por um pet de coca
mas já que tudo compete
ao maldito dinheiro
vou picá-lo em confete
para sujar fevereiro

Quero viver de escambo
para trocar poesia
por néctar e ambrosia
senão continuo duro
sem qualquer garantia
vivendo em apuros

Se houvesse somente troca
talvez eu trocasse meu dente
perfurado de broca
por um carro usado
mas necessito da prata
para dar vida decente
para a minha mulata

Quero viver de escambo
para trocar meu beijos
por vinhos e queijos
pois que faltam os cobres
para comprar os desejos
desse vivente pobre.

Wasil Sacharuk