patrocinador

Longo Traçado


Longo traçado

A vida vai seguindo crua
Caminhando à luz da lua
Mato-me a cada trago
Trago a dor num verso vago

Meu rumo é longo traçado
A um destino encarcerado
No lastro da insensatez
De vida diluída em acidez

Soçobro em águas amargas
Que em ágeis descargas
Turvaram-se de hipocrisia
Esta bala certeira e fria

Tropeço nos tolos ditames
Em palavras e atos infames
Mas espero meu novo dia
Salvaguardado em poesia.

Alexandre de Paula e Wasil Sacharuk