O Grito da Creusa

O Grito da Creusa

Pergunta ao delegado:
bofe, qual foi o babado?

Sabe, guria
o bofe deu maior bafão
o bofe deu a Elza
e deu no que deu
só se ouvia o grito da creusa

Era uma barbie de academia
loura de farmácia
e vivia na muvuca das bolachas

Quando abordei o elemento
já fui dizendo:
tô afim de aquendar o ocó...

Cadê a taba?
Cadê o Paulo Otávio?

E sabes que o bofe deu carão?
Se deu carão
na minha presença
só me resta
enquadrar o indivíduo

Taquei as algemas nele
e disse que o colocaria numa cela
junto com aquele tavlon carimbado

ele vai se foder...

Ai, ai, ai, delegado
arrasou!!! não, não...
abalou!!!


É isso, guria
Se não quer
tem quem queira
então fico com meu demônio
que mais parece um ebó...

ao menos o bofe dá no couro

Ai, tô loka...
essa vida tá um uzê
e muito me admira que
enquanto conto
tu ficas aí... zalene.

Wasil Sacharuk
dezembro 2009

Inspiraturas