patrocinador

COMO UM RIO...

COMO UM RIO...

Eu ouvi teu riso
e senti no peito
o mesmo amor sem jeito
e quis o momento
sem fazer efeito
ter no coração vadio
preenchido o frio

Atendi teu aviso
movimento suspeito
disfarçado e rarefeito
o meu beijo sedento
prontamente aceito
fez esquecer o vazio
transbordando um rio.

Dhenova & Wasil Sacharuk
setembro 2009