A plenitude do amor



A plenitude do amor

Fui jogado
sem fé
sem régua
sem trégua
largado
vivi a plenitude do amor

Fui decantado
em ré
em delícias
em malícias
sangrado
vivi a plenitude do amor

Fui lançado
contra a maré
contra a luz
contra a cruz
apedrejado
mas vivi a plenitude do amor.

Wasil Sacharuk

Inspiraturas