Das asas abertas da poesia

Das asas abertas da poesia

Nas letras flutuantes
de uma viagem alada
da mensagem naufragada
nos sentidos dos instantes

Evaporada do papel
uma nova alquimia do céu
para iluminar a madrugada
e abrir caminho ao dia

E na estação da poesia
sempre brilha um diamante
de beleza impactante
de inspiração e magia.

Wasil Sacharuk

Inspiraturas