PESSOA... PESSOAS...PASSOS

PESSOA... PESSOAS...PASSOS

Pessoa, ah como eu queria
Encantar-te com o que invento
Seria o que então eu faria
Se eu possuísse o talento
Ouviria o som da poesia
Abraçada ao sopro do vento

Pessoas, ah como eu queria
Encantá-los com meu intento
Seria o que eu tentaria
Se eu não fosse tão lento
Ofuscado pela melodia
Atada a um novo rebento

Passos, estradas que enfrento
Anunciando a total alegria
Será quando chega o momento?
Será que eu não desistiria?
Ousaria outro passo sedento?
Será o que dará garantia?

Wasil Sacharuk
fevereiro 2009

Esse site é apoiado por INSPIRATURAS