patrocinador

Escrevo porque…

Escrevo porque…

Se escrevo afasto capeta 
E bebo direto da fonte 
Essa vida é um ensaio 
Alguém me lerá de soslaio

Escrevo no meu horizonte 
Mesmo que a vida faça careta 
E que o destino lance a carpeta 
Pois se desfaz num instante

Nessa armadilha eu não caio 
Mesmo que caia um raio 
E a noite renasça num dia

E até que reverta o conflito 
Com minhas letras insisto 
Escrevo a minha poesia.

Wasil Sacharuk