patrocinador

Cotovia, peras e maçãs


Cotovias, peras e maçãs

Nehum cristo nenhum césar
dinastias, sedas e romãs
nasce livre preso ao trono
aos caprichos do patrono

Nenhum Sartre ou Tomás
filosofias e teologias vãs
se alguém criou o mundo
foi um poeta vagabundo

E nem Jung e sequer Reich
psicologia, artes, mentes sãs
que pensam sacar o que sinto
se encouraço ou então minto

Sem doutrinas ou religião
cotovias, peras e maçãs
voam e cantam inocência
No pomar da existência.

Wasil Sacharuk